A 1ª Concessionária Chevrolet do Brasil
A 1ª Concessionária Chevrolet do Brasil

Onix é o carro mais vendido em 2018

Onix

Hatch da GM é líder pela quarta vez seguida. Faltando 1,5 mês e meio para fechar o ano, nenhum concorrente poderá superá-lo.

Com 178.401 unidades vendidas até a primeira quinzena de novembro, o Onix, da GM, garante com antecedência, a liderança do mercado brasileiro pela quarta vez seguida.

O hatch teve um desempenho excepcional neste ano: não perdeu a liderança em um mês sequer e mantém uma diferença intransponível em relação ao segundo e terceiro colocados.

O segundo mais vendido em 2018 é o Hyundai HB20, com 91.907 unidades até a primeira quinzena de novembro, volume que não garante a posição para o fechamento do ano, pois o terceiro colocado, o Ka, está a menos de três mil carros atrás (88.988).

Os demais modelos estão mais distantes. O Gol deve fechar o ano na quarta posição (tem 65.344 até agora), enquanto Prisma (60.957) e Polo (60.511), disputam a sexta posição em 2018. Já a picape Strada parece consolidada em sétimo lugar, com 58.936 unidades; o Argo em oitavo, com 55.235 e o Kwid, que com 54.372 carros, também tem praticamente garantida uma posição entre os primeiros.

Já a última posição do ranking dos dez mais está indefinida. O Compass leva a melhor, com 52.871 unidades, mas é seguido de perto pelo Corolla, que vendeu 51.265, e pela picape Toro, com 50.478 unidades. Com mais um mês e meio de vendas, essas posições podem ser trocadas, ou consolidadas.

Sandero, Mobi, HR-V, Creta, Saveiro, Kicks e Renegade também devem garantir uma posição entre os vinte mais vendidos no ano.

Há cinco anos, o hatch compacto mais valorizado

Essa liderança absoluta nos últimos cinco anos é um dos fatores que faz o Onix obter um excelente desempenho em relação ao valor de revenda. O carro recebeu pelo quinto ano consecutivo, na semana passada, a Certificação Maior Valor de Revenda, que avalia os modelos que menos perdem valor após um ano de uso.

Neste ano, o índice de depreciação do hatch (que tem versões com motor 1.0 de 80 cavalos e 1.4 de 106 cavalos), ficou em 9,3% e nos anos anteriores, também manteve o índice abaixo de 10%.

 

Fonte: O Mundo em Movimento